Desperdiçar tempo…. 010101000110111

Desde a procrastinação, indecisão até ser pego passando horas pensando nas lembranças do passado, quem nunca desperdiçou tempo, ou ainda mais desperdiçou tempo com pessoas estúpidas, ou ainda pior, quando você enfrenta a dura verdade que você está sendo uma pessoa estúpida, desperdiçando seu tempo e das outras pessoas…

Vamos abordar a questão do tempo por outra ramificação… Há algumas décadas esquentar um simples leite para tomar com café era algo que demandava certas horas, hoje pegamos o leite de caixinha comprado em qualquer supermercado próximo colocamos no copo e esquentamos 30s no microondas, o café a gente põe a capsula na cafeteira e em 2-3min já temos um café com leite prontinho, ganhamos alguns minutos até algumas horas nessa simples atividade, bem logo concluímos que na nossa era teremos tempo para nós, para viver e sermos felizes…..errado, nunca vivemos tão infelizes  e sem tempo na história, pense ai quando foi a última vez que você tirou  tarde para fazer cuidar  da sua estética, praticar algum instrumento musical, tomar um cafezinho e  conversar com alguém , ao menos sentar-se  à mesa para um cafezinho com uma boa música ao fundo, ler um livro da nossa mega biblioteca pessoal, aprender um novo idioma, nada, o que percebemos é que simplesmente acumulamos promessas de fazer x,y atividade, mas o que vemos é elas caírem no esquecimento, mesmo se tendo mais tempo e maior liberdade para operar nossas próprias vida, afinal, por que esse contraste tão grande ?

AIN’T FOLLOW THE FLOW, BE THE LIGH OF THE HER OR JUST BY YOURSELF…..

(não siga a multidão, seja a luz dela, ou apenas de ti mesmo)

Não tem jeito, somos influenciados por um pensamento coletivo inconsciente, para pensar, por que o brasileiro em média acessa cerca de 150 vezes as redes sociais mesmo sabendo (inconscientemente) que não há nada de novo ou de produtivo lá? Porque fomos condicionados a um pensamento coletivo, destinado ao consumismo, e o que consumimos?

Várias empresas de marketing estudam o comportamento humano a fim de entender como funcionamos para triar proveito disso para que? Para que façamos consumimos tudo que eles produzem, atentem que isso confina-nos  como meros seres reativos, apenas reagimos ao que determinado grupo determina, voltando às redes sociais, já paramos para refletir qual a verdadeira função destas e qual função esta está sendo operada?  Basicamente manter comunicação entre as pessoas, compartilharem momentos, ideias e estas discuti-las, aquelas  lembrá-las, atividades superprodutivas e saudáveis, e observem as pessoas estariam produzindo conhecimento e compartilhando-os, mas o que na realidade atua nas redes sociais está longe de sua principal função. Admirável novo mundo obra canônica de Aldous Huxley, abordou uma temática muito insana para década de 30, a programação neurolíngusitica que as  máquinas conduziria as pessoas a receberem informações para que desenvolvessem consciência sobre como deveriam ser e agir, com o intuito simples de formar uma massa manipulada a agir e pensar como grandes corporações decidissem, querendo formar pessoas afim de apenas consumir, “O objetivo maior é manter a ordem, mesmo que para isso todos passem por uma grande lavagem cerebral, eliminando qualquer senso de individualidade ou de consciência crítica sobre a realidade”¹, logo, na nossa era  a intenção é transformar os indivíduos em meros consumidores, enquanto isso nosso tempo destinado a atividades produtivas fica em segundo plano, primeiro porque as redes sociais criou um contraste com a vida real, aquela distanciado nós desta, a ideia era por meio das redes sociais aproximar  os amigos e familiares, chama-los para um café, caminhada no parque, ida ao cinema, jogar vídeo game, assistir a um filme, comerem pizza e darem risadas, na verdade por apenas limitam a comunicação apenas no campo dos números binários.

Como citado anteriormente: não siga a multidão, seja a luz dela, ou apenas de ti mesmo, comece refletindo às suas atividades, o que você gosta de fazer, mas não faz por sempre está desviando seu tempo às redes sociais e outros sites, lembre-se dos conselhos de nossas avós, “NÃO SEJA MARIA VAI COM AS OUTRAS”, se todos tem um padrão de comportamento como uso excessivo das redes sociais, você naturalmente será influenciado a ter esse hábito, mas vigie-se, questione tais tendências, “Vivemos um período da história humana cheio de incertezas, ambiguidades, complexidades, instabilidades, medos e total ausência de valores que ofereçam rumo verdadeiro – “The True North”  Vamos a dados levantados: mais de 62 % dos brasileiros estão usando a atividade as redes sociais ²,  pesquisas da empresa Statística apurou que o brasileiro gasta em média quase 5 horas no celular.³ 5 horas lendo um livro pelo celular que não é, basicamente  se passa todo esse tempo nas redes sociais consumindo informações que não serão nada produtivas a ti, comece a repensar esse hábito, procure a pensar nas suas atividades diárias e como a interação virtual está influenciando na sua vida, busque organizar sua tarefas, o que é importante para o seu desenvolvimento, para cuidado com sua saúde, com sua socialização, com seus hobbys, pegue de volta o controle de sua vida das redes sociais, Você não é um número, você é um homem/mulher livre, faça das redes sociais uma ferramenta que te aproxime de quem são importantes na sua vida, não se importe de até apenas 35 contatos, você não vai ganhar um prêmio se ter 2mil “amigos” nas redes sociais, conscientize-se.

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

¹https://canaltech.com.br/entretenimento/admiravel-mundo-novo-previsoes-para-um-mundo-contemporaneo-67205/

²https://exame.abril.com.br/negocios/dino_old/62-da-populacao-brasileira-esta-ativa-nas-redes-sociais/

³https://saude.abril.com.br/mente-saudavel/brasileiros-estao-cada-vez-mais-viciados-no-celular/

 

 

 

Comentários

Comentários

Sobre o autor

João de Jesus

Graduando em Letras Licenciatura e suas respectivas Literaturas
Amante das artes; Literatura, Música e Cinema.
Uma boa conversa com um cafezinho, está perfeito !
"A força da evolução é infinitamente maior que os obstáculos que impendem o caminho." Efeito Sombra